Contabilidade: como abrir a sua empresa, sair da ilegalidade e começar um novo negócio?

Montar seu próprio negócio é uma ideia excelente, ainda mais se você já estiver trabalhando de maneira não regularizada. Muitos começam a empreender sem saber se iria dar certo para, somente depois, ir atrás da burocracia para deixar tudo em ordem na contabilidade!

Basta seguir estas dicas da Conflex para abrir sua empresa de maneira oficial, dentro das tributações corretas.

Quais são as vantagens de abrir empresa?
A informalidade é um problema, mas abrir uma empresa sem contabilidade pode ser um problema maior ainda pela carga tributária, que é muito alta, criando um problema na hora de pagar impostos.

É importante analisar cada caso para que a empresa que está para ser aberta não pague mais impostos do que deveria, trabalhando para reduzir a tributação sobre vendas ou serviços. A ideia é que o empreendedor tenha CNPJ que permita pagar uma alíquota bem menor de imposto.

A contabilidade é fundamental, mantendo apoio empresarial nas mãos de um profissional contador especializado para cada segmento.

Qual o melhor tipo de empresa para abrir?
Existem diversas figuras que podem ser atribuídas para uma nova empresa:

MEI Microempreendedor Individual – Foi criado pela Lei Complementar 128/2008 pensando em ajudar empreendedores informais a se oficializar. O MEI tem regras de limite de faturamento, de contratação de funcionários e outros detalhes que devem ser levados em consideração.

SLU – Sociedade Limitada Unipessoal – A SLU nasceu com o conceito de ajudar empreendedores a ter uma empresa limitada sem ter um ou mais sócios. Ideal para quem faz o desenquadramento do MEI e deseja proteger o seu patrimônio pessoal em caso de dívidas no CNPJ.

Sociedade Empresária Limitada – É similar à SLU, mas precisa ter um ou mais sócios. Ideal para proteger os bens pessoais dos sócios.

EI – Empresário Individual – Também se parece com a SLU, mas não separa a responsabilidade financeira empresarial dos bens patrimoniais do empresário.

Sociedade Simples – Criada para profissões regulamentadas em que o empresário precisa registrar o contrato social no cartório

SPE Sociedade de Propósito Específico – SPE foi criada para quando um ou mais empreendedores têm um projeto de curto prazo. Muito comum para empresas do setor digital.

Qual é a tributação ideal para o meu negócio?
Assim que abre uma empresa, é necessário escolher o regime tributário com os CNAEs relativos às atividades do contrato social.

A Conflex ajuda na decisão de qual é a melhor tributação para o novo negócio assim que se abre uma empresa:

Lucro Real: criado para empresas que faturam mais de R$ 78 milhões por ano ou mais, com o cálculo do imposto sobre o lucro do negócio.

Lucro Presumido: É o Governo que presume o imposto. Possui alíquota pré-fixada entre 13,33 e 16,33%, cuja variação esTá baseada no ISS, imposto municipal, que varia em cada município, de 2 a 5%;

Simples Nacional: Tem carga tributária menor, dependendo do anexo. Existem cinco anexos com alíquotas a partir de 4% com o anexo I de comércio, anexo III Prestação de serviços e anexo IV de prestação de serviços de profissões regulamentadas os mais procurados.

 

contabilidade online

O Simples Nacional é um regime tributário que unifica vários impostos em uma única guia de recolhimento, facilitando o pagamento de tributos por parte das pequenas empresas. As alíquotas variam de acordo com a atividade exercida e a faixa de faturamento da empresa.

 

Algumas das principais taxas que uma empresa recém-aberta no Simples Nacional pode precisar pagar são:

Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS): É um imposto estadual cobrado sobre a venda de produtos e serviços. A alíquota varia de acordo com a atividade e o estado onde a empresa está sediada.

Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS): É um imposto municipal cobrado sobre a prestação de serviços. A alíquota varia de acordo com o tipo de serviço prestado e o município onde a empresa está sediada.

Contribuição para a Seguridade Social (Cofins): É um imposto federal cobrado sobre o faturamento da empresa. A alíquota varia de acordo com a atividade exercida.

Programa de Integração Social (PIS): É um imposto federal cobrado sobre o faturamento da empresa. A alíquota varia de acordo com a atividade exercida.

Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ): É um imposto federal cobrado sobre o lucro da empresa. A alíquota varia de acordo com o faturamento e a atividade exercida.

Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL): É um imposto federal cobrado sobre o lucro da empresa. A alíquota varia de acordo com o faturamento e a atividade exercida.

Lembre-se de que as taxas exatas que uma empresa precisará pagar dependerão do seu ramo de atividade e do seu faturamento, por isso é tão importante consultar um contador da Conflex para entender melhor quais são as obrigações tributárias da sua empresa.

Depois que você já estiver regularizado, prestando serviços e emitindo notas fiscais você já poderá se aventurar no mundo das licitações, aí a coisa fica mais lucrativa.

Algumas certidões que são normalmente exigidas atestam a regularidade fiscal e trabalhista da sua empresa e garantem que ela está apta a participar da concorrência. Abaixo, algumas mais comuns exigidas em licitações e como obtê-las:

Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas (CNDT): Essa certidão atesta que a empresa não possui débitos trabalhistas em aberto. Ela pode ser obtida no site do Tribunal Superior do Trabalho (TST).
Certificado de Regularidade do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS): Essa certidão atesta que a empresa está em dia com o recolhimento do FGTS. Ela pode ser obtida no site da Caixa Econômica Federal.
Certidão de Regularidade Fiscal Federal: Essa certidão atesta que a empresa está em dia com as obrigações fiscais perante a Receita Federal. Ela pode ser obtida no site da Receita Federal.
Certidão de Regularidade Fiscal Estadual: Essa certidão atesta que a empresa está em dia com as obrigações fiscais perante a Secretaria de Fazenda do estado onde está sediada. Ela pode ser obtida no site da Secretaria de Fazenda.
Certidão de Regularidade Fiscal Municipal: Essa certidão atesta que a empresa está em dia com as obrigações fiscais perante a Prefeitura do município onde está sediada. Ela pode ser obtida no site da Prefeitura.
Certidão de Regularidade com o INSS: Essa certidão atesta que a empresa está em dia com as obrigações previdenciárias perante o INSS.

É importante consultar o edital da licitação para verificar quais são as certidões exigidas e prazos para apresentá-las.

Antes de abrir uma empresa tenha em conta:

– A definição de um endereço comercial com a viabilidade para abertura do negócio;
– Como será o contrato social e acordo entre sócios;
– Tenha certificado digital de pessoa física, o e-CPF;
– Registre o contrato social na Junta Comercial ou cartório;
– Obtenha na Receita Federal o registro para CNPJ;
– Tenha a Inscrição Estadual na Secretaria da Fazenda (para comércio);
– Não se esqueça da Inscrição Municipal na prefeitura do seu município;
– Saiba quais são as licenças e alvarás;
– Consiga a aquisição de certificado digital de pessoa jurídica, o e-CNPJ.

É muita burocracia para abrir uma empresa? Com certeza! Por isso que a Conflex cuida de todos os detalhes para a abertura do seu negócio!

Com estes detalhes preparados, o seu negócio estará preparado para emitir notas fiscais para vender ou prestar serviços para qualquer cliente, pessoa física e pequenas, médias e grandes empresas

Organização pessoal antes de começar
Importante lembrar que antes de passar por este processo, o empreendedor precisa saber exatamente o que vai fazer ou vender. A Conflex listou algumas perguntas que podem ajudar na organização estrutural antes de começar qualquer processo de abertura de empresa:

Você sabe exatamente que tipo de negócio pretende abrir?
Na contabilidade, antes de qualquer coisa, saiba por onde começar. É algo que você já saiba como fazer? É da sua formação profissional? Ou é uma oportunidade que você descobriu e deseja apostar? O interessante é descobrir o que será feito para montar um negócio que se sustente na sua escolha de atividade.

Você tem o perfil ideal?
Um negócio só se torna real quando o empreendedor possui o perfil. Ou seja, precisa conhecer a realidade do mercado e organizar um plano de negócios real. A Conflex pode ajudar neste planejamento para evitar surpresas.

O que você sabe sobre o mercado?
Antes de começar a reunir os papéis, reúna todas as informações sobre o negócio para saber em qual terreno estará entrando. Colete informações para dar uma sustentabilidade mais consistente para criar sua empresa. Informações sobre mercado, liderança, finanças, marketing e até mesmo sobre o ponto de localização devem fazer parte deste detalhamento.

Saiba quais são as características do mercado
Diversos fatores impulsionam a compra de clientes. Portanto, tão logo o empreendedor já tenha a definição do objetivo, a próxima etapa é pesquisar o público para saber com quem estará lidando.

– Será que o seu cliente faz compras de forma frequente, sendo, assim, um cliente ativo?
– O cliente será sazonal e o perfil destes compradores é mais esporádico, formando um perfil de cliente inativo?

A pesquisa é fundamental para entender e definir o tamanho da operação. Antes de abrir qualquer negócio, é necessário ter clareza sobre as características, componentes e necessidades do mercado antes mesmo de começar a operar!

Uma análise prévia de consumo na região, suas características e necessidades que motivam a compra, fazem toda diferença na hora de começar um negócio. Se a empresa tiver uma operação física direta, como loja ou restaurante, o melhor é entender sobre variedade, qualidade, disponibilidade, cobrança, preços, as formas de pagamento disponíveis é fundamental – assim como a maneira em que se dará o atendimento!

Antes de abrir qualquer negócio, converse com a Conflex e tenha a melhor assessoria para começar seu empreendimento!

Fale com a Conflex e faça um planejamento tributário antes de abrir ou regularizar sua empresa!

Relacionados

Posts Recentes

Compartilhar:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn